Viagens Literárias

Recursos Educativos Digitais com o Google Earth

Category Archives: Google Earth

“Google Earth na sala de aula” – livro e página Facebook

Trago-vos hoje um recurso que vale a pena conhecer e que, uma vez mais, mostra o extraordinário potencial desta ferramenta em sala de aula:
Conheça também no Facebook: https://facebook.com/GoogleEarthNaSalaDeAulas

image

“Nos passos de Magalhães”, de Gonçalo Cadilhe: um roteiro de leitura pela mão de alunos do 10.º ano

Apresento-vos hoje – finalmente! – o trabalho realizado pelos alunos das turmas 10.ºA, B e C, da Escola Secundária D. João II, em Setúbal, entre os meses de Janeiro e Junho deste ano.

“Nos passos de Magalhães”, um excelente roteiro de leitura, mas sobretudo um trabalho muitíssimo bem preparado pela Professora Ana Sancho, com o apoio da Professora Bibliotecária, Fernanda Ledesma.

Convido todos os professores a visitarem a wiki disponível em http://nospassosdemagalhaes.pbworks.com/w/page/63491079/FrontPage.

A todos, professores, alunos, curiosos, convido a descarregarem o ficheiro Google Earth e a fazerem esta viagem. Sei que, tal como eu, ficarão com imensa vontade de ler esta obra de Gonçalo Cadilhe. É esse, precisamente, o objetivo: ler e dar a ler.

Agradeço a todos a forma esplêndida como aceitaram «este desafio do projeto “Viagens Literárias”!

kmz-1297

[clique para descarregar o ficheiro]

 

 

 

Estudo do Meio, 1.º ciclo, 4.º ano – viagens e aprendizagens com o Google Earth

[Clique na imagem para aceder ao conjunto de recursos no Repositório «Viagens literárias, mas não só»]

[Clique na imagem para aceder ao conjunto de recursos no Repositório «Viagens literárias, mas não só»]

Apresentamos hoje não um recurso mas um excelente conjunto de recursos elaborados com o Google Earth para o tratamento de diversos temas de Estudo do Meio no 4.º ano do 1.º ciclo. Os recursos são da autoria do Dr. Joaquim Costa Pinto e estão acompanhados dos respetivos guiões pedagógicos em uso no Projeto “Viagens literárias”.

Este trabalho do Dr. Joaquim Costa Pinto foi acompanhado pelo desenvolvimento de uma Tese de Mestrado em eLearning, realizada na Universidade Aberta sob orientação da Professora Doutora Branca Miranda. A Tese tem como título »Criação de narrativas digitais com o Google Earth: estudo dum caso com crianças do ensino básico.» e transcrevemos o seu Resumo:

«O estudo descrito nesta dissertação, visto de uma forma pragmática pretendeu avaliar se a utilização de “mashups”, enriquecidos com narrativas digitais, imagem e texto, incorporados num recurso educativo digital criado na ferramenta web 2.0 Google Earth, em contexto educativo, numa aprendizagem de conteúdos da área curricular disciplinar de Estudo do Meio, traria alguma mudança na proficiência nas aprendizagens de alunos do ensino básico 1.ºCiclo, como também, obter opiniões sobre a relevância da ferramenta Google Earth para fins educativos.

Para estes fins, utilizou-se uma metodologia de investigação baseada no “desenho”, mais propriamente o DBR (Design-Based Research), realizando-se um estudo de caso com características naturalistas, envolvendo a orientadora de investigação, o investigador, os professores e os alunos de duas turmas do 4.ºano do 1.ºCiclo do Ensino Básico.

Para dar resposta à questão principal do estudo, foi proposta a ambas as turmas a aquisição dos mesmos conteúdos de Estudo do Meio, mas utilizando metodologias de ensino distintas. Tendo uma turma adquirido conhecimento através do uso do recurso educativo digital criado no GE (Google Earth) e a outra, adquirido o mesmo, sem qualquer recurso da mesma índole, tentou-se saber as influências da utilização do recurso criado no GE na aprendizagem dos alunos, como a opinião destes sobre o mesmo.

Neste estudo, foram recolhidos dados relevantes tanto através de Testes Diagnósticos e de Aprendizagem, como através de entrevistas aos alunos, que permitiram reconhecer que existem mudanças na proficiência na aprendizagem dos alunos após o uso da ferramenta GE. Também se constatou que se trata de uma ferramenta cheia de potencial para a aprendizagem, pois a sua utilização não só despertou a motivação e interesse dos alunos deste estudo, como também possuí todas as valências de um REA (Recurso Educativo Aberto), tais como o seu uso, a sua adaptação, a reutilização e a partilha pela comunidade educativa.»

Os nossos parabéns ao Dr. Joaquim Costa Pinto e um muito obrigada por aceder a partilhar o seu trabalho neste espaço.

Este é um dos primeiros recursos a partilhar através da Google Drive, mais um passo para integração de ferramentas. A disponibilização desta forma dispensa a escola e o docente da utilização de um servidor próprio (até um determinado limite de espaço, é certo) com a mais valia de poder realizar uma organização simples e eficaz da informação e dos recursos e, ainda, a possibilidade de realizar a pré-visualização em Google Maps, antes de descarregar o recurso em Google Earth.

____________

Atualização (8 de agosto de 2013) : Tese disponível no repositório aberto da UAB.

3 aspetos fundamentais do trabalho com os Recursos Google Earth

infoPublico recursos educativos digitais realizados com o Google Earth desde 2008. Cinco anos já. Ainda não fiz as contas mas muito provavelmente, o número de recursos produzidos que não saiu diretamente das minhas mãos já ultrapassa os que eu própria fiz como professora. Na verdade, o meu papel tem sido muito o de dinamizadora da criação e utilização destes recursos e, ultimamente, do envolvimento dos alunos nessas tarefas. Considero como muito bons todos os recursos aqui partilhados. Como qualquer trabalho criativo, podemos pensar sempre que poderiam melhorar, num ou noutro aspeto. Na verdade, todos eles servem objetivos educativos muito definidos e não tenho dúvidas de que são recursos motivadores.

Na divulgação e, sobretudo, para a re-utilização destes recursos há, no entanto 3 aspetos que continuam a revelar-se fundamentais. Passo a descrevê-los de forma sucinta:

– o Guião pedagógico: todos os recursos devem ser acompanhados de um guião pedagógico (exemplo 1, exemplo 2).  Este guião pode, inclusive, estar disponível a partir de uma hiperligação incorporada no próprio ficheiro .kml ou .kmz (Google Earth) ou ser apresentado em separado. Uma página A4 basta para explicar em que contexto foi o recurso produzido, quais os seus objetivos e quais as sugestões de tarefas. É, com toda a certeza, um excelente ponto de partida para o professor que deseje utilizar um recurso com os seus alunos.

– o Marcador de Informação: com frequência abro um ficheiro .kmz cujo objetivo conheço superficialmente e inicio a lista de marcadores. Sinto sempre a falta de um marcador inicial, de informação geral, que contextualize o recurso e o explique minimamente. O primeiro recurso aqui publicado (sobre “Os Lusíadas”) tinha essa informação. Considero-o também muito importante por um motivo: para registar a autoria do recurso, o nome dos Professores e alunos envolvidos, oano, ciclo, área disciplinar, data, etc.

– a Referência às fontes documentais utilizadas: em breve será publicada uma versão melhorada do recursos sobre «Os Lusíadas». Sê-lo-á para marcar o 5.º aniversário do projeto mas sobretudo para procurar marcar a diferença: eis um recurso que se destinava apenas a consumo internos, aos meus alunos de 9.º ano e eis outro, com as fontes documentais devidamente registadas. A maior parte dos recursos aqui disponibilizadas já evidencia essa preocupação e é algo que não podemos mesmo esquecer. A imagem é colocada a partir do url original, certo; mas a forma como é apresentada tem de deixar clara a sua fonte. Escrever em letras mais pequenas «Imagem disponível em [url]» não custa mesmo nada e educamos os nossos alunos a respeitar a autoria.

[imagem disponível em http://fazerporsalvaterra.blogspot.pt/2013/02/informacao-populacao.html]

“Arroz do Céu”, Língua Portuguesa, 7º ano pela Dra. Ana Silva

O 3º recurso de uma pequena série de 3 realizados no contexto do primeiro curso de formação acreditada (15 hrs) sobre “Recursos Educativos Digitais com o Google Earth”. Trata-se de um trabalho para a disciplina de Língua Portuguesa, 7º anjo e é da autoria da colega Ana Silva.
Guião:

 

 

 

Recurso (abre com o Google Earth):

 

“Romanização”, História, 7º ano pela Dra. Isabel Madeira

O 2º recurso de uma pequena série de 3 recursos realizados no contexto do primeiro curso de formação acreditada (15 hrs) sobre “Recursos Educativos Digitais com o Google Earth”. Trata-se de um trabalho para a disciplina de História, 7º anjo e é da autoria da colega Isabel Madeira.
Guião:

 

 

 

Recurso (abre com o Google Earth):

Um curso de formação creditada, 3 recursos. O primeiro: “Climas Mundiais”, Geografia, 7º ano pela Dra. Alexandra Machado

Inicio com este artigo uma pequena série de 3 recursos realizados no contexto do primeiro curso de formação acreditada (15 hrs) sobre “Recursos Educativos Digitais com o Google Earth”. Tratou-se de uma primeira experiência exploratória, realizada com o objetivo de avaliar a recetividade dos docentes ao tema e ao formato. Agradeço às 3 formandas cujos recursos vou partilhar com imenso gosto, a disponibilidade de partilharem o seu trabalho. É algo que faço há muitos anos mas sempre com o mesmo receio: o de olhar para o produto do nosso trabalho e pensar que podia estar sempre melhor. Mas…. ao mesmo tempo… é com esse mesmo objetivo que a partilha é feita! Há algo que vai mudar e para melhor decerto! Um grande abraço e o meu bem-haja!

O primeiro trabalho é para Geografia, 7º ano e é da autoria da colega Alexandra Machado, Escola Básica Carlos Gargaté, Charneca de Caparica.

Guião:

Recurso (abre com o Google Earth):

“Uma família inglesa” de Júlio Dinis – viajando no tempo e no espaço com os livros, a leitura e o Google Earth

 Eis mais um recurso nascido através dessa magnífica sala de Professores virtual que é o Facebook. A autora do precioso levantamento textual é Manuela Baptista; foi também a Manuela que elaborou o respetivo guião pedagógico. Eu apenas fiz os marcadores GE. Trata-se de uma obra proposta para leitura extensiva no Ensino Secundário. Estamos certas que, tanto professores como alunos gostarão de complementar o trabalho de leitura ou em sala de aula com a riqueza deste recurso. É editável por isso qualquer professor poderá acrescentar informação. Depois…dêem notícias.

Clique no ícone do ficheiro GE para descarregar; pode fazer uma pré-visualização do ficheiro vendo o vídeo.

Um projeto de leitura… um aluno…. um recurso com o GE

É com imensa alegria que anuncio o primeiro recurso digital produzido inteiramente por um aluno, no âmbito deste projeto. Para mim, a prova provada que estamos no caminho certo. Foi uma surpresa enorme para mim, dado que não houve ainda oportunidade para uma intervenção direta com alunos. Um recurso anterior,  “A viagem de Voltaire” apresenta também trabalho de alunos (nomeadamente os marcadores por eles desenhados) mas este foi feito apenas por Luís Roque, aluno de 10º ano e por sua própria iniciativa apenas porque me escutou, por acaso, no workshop da passada sexta-feira, por cerca de 15 min.

O Luís percebeu, num instante, tudo o que expliquei e os cuidados a ter. O resultado foi este; cliquem e naveguem. Esta é a sua apresentação no âmbito do Contrato de Leitura. O livro é sobre Anne Frank. Prestem sobretudo atenção ao que ele escreve no 1º marcador. Extraordinário!

[clique sobre a imagem para descarregar o ficheiro e veja-o no Google Earth]

O Pi ao longo da história ou como o Google Earth também serve para trabalhar a Matemática

Inspirada pelo trabalho de Tom Petra em http://www.realworldmath.org e pela firme convicção de que o Google Earth pode ser uma ferramenta de criação recursos digitais interativos riquíssimos, lancei o desafio ao professor João Marques para a execução de um recurso para a Matemática tendo em conta as Metas de Aprendizagem da sua área disciplinar. O objetivo era não apenas envolver os seus alunos na produção do recurso, também com auxílio do Google Docs, mas transformar o projeto numa atividade interdisciplinar procurando envolver outros colegas.

A atividade esteve em curso no ano letivo de 2010/2011 e envolveu também as docentes de Língua Portuguesa, Geografia e Estudo Acompanhado e todo o processo deu origem a um Poster e um Artigo que tive o prazer de co-defender em Maio e Setembro. Faltava a divulgação do ficheiro Google Earth e do respetivo guião, a que podem aceder agora clicando nos respetivos links. Obrigada João!

Recurso PI

   +   Guião (clique para visualizar/descarregar)